OBJETIVOS E ATIVIDADES

O que a Aliança pretende alcançar?

Elevar a atenção do público em geral sobre a importância do empoderamento das mulheres e adolescentes para tomar decisões autônomas sobre sua sexualidade e sua vida reprodutiva.

Criar oportunidades para qualificar o debate público e para apoiar projetos locais sobre saúde e direitos sexuais e reprodutivos.

Expandir a base de apoio para a agenda de saúde e direitos sexuais e reprodutivos, engajando o setor privado e outros setores para fortalecer o tema dentro de suas instituições e na sociedade brasileira em geral.

Atividades em desenvolvimento:

• Mensagens de impacto

• Materiais informativos e de sensibilização

• Campanhas de comunicação e advocacy

• Evidências e dados

• Eventos públicos com estratégia de comunicação e advocacy

• Fundo de Pequenos Projetos para apoiar projetos locais

• Diálogos com empresas, fundações, institutos privados e tomadores de decisão do setor público e privado

• Criação da Aliança pela Saúde e pelos Direitos Sexuais e Reprodutivos no Brasil, uma plataforma de colaboração liderada pelo setor privado, com o apoio do Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), os Países Baixos e outros setores.